Doce Vitória - Taylor Caldwell

Doce Vitória – Taylor Caldwell

Descrição do livro

Terminada a Segunda Guerra Mundial, Johnny Fletcher, ex-capelão do exército americano, volta ao seu país e consegue depois de muitas dificuldades uma paróquia em Barryfield, pequena cidade industrial e sede de uma mineração de carvão. Lá se instala com as cinco crianças órfãs de guerra que adotara na Europa.
Johnny, homem absolutamente íntegro, que jamis se afastou dos seus ideais, não é bem compreendido por boa parte da população da cidade e é francamente hostilizado por MacDonald Summerfield, rico proprietário de jornais, que sofre forte influência negativa do psicanalista Somer Granger.
Mas o pároco não está só, encontra um poderoso aliado, O Dr. McManus, velho médico grandemente conceituado entre a população de Barryfield, que lhe dá todo o apoio para continuar sua campanha comunitária, que tinha entre outros objetivos o de combater o smog industrial que poluía o vale e vitimava velhos e crianças da cidade.
Lorry, filha de Summerfield, revolta-se contra os ataques que seu pai desfechava, através de seus jornais, contra a pessoa e o trabalho de Johnny. Abandona a casa paterna, e cresce mais ainda sua revolta quando descobre que a vida de seu irmão Barry fora salva, durante a guerra, na França, exatamente pelo Capelão Johnny Fletcher. Nesse momento começa a perceber que o que sente por ele é mais do que simpatia por sua causa…
Mas os obstáculos que o capelão tem de enfrentar são de toda a ordem. Seus filhos adotivos são criaturas estranhas demais para serem aceitas pela gente daquela cidade: um francês, Jean, é aleijado devido a maus-tratos sofridos no campo de concentração; um menino judeu, Max, traumatizado pela guerra, é tão inibido que quase não fala; Kathy, provavelmente holandesa, é a mais normal das cincos crianças; o italiano Pietro, não obstante a experiência que teve no campo de concentração, consegue ser expansivo; e Emilie, provavelmente belga, tem apenas cinco anos e uma doença cardíaca incurável. As agressões a Johnny e às cinco crianças passam à violência física e culminam com um incêndio criminoso na casa paroquial, em consequência do qual Emilie morre.
O enredo do livro já tem então forma e rumo bem definidos. Todos seus personagens, tal como as figuras centrais, tem vida, não parecem de ficção. O caso de amor que o romance conta é comovente, e toda a trama da história é conduzida pela autora com a mão segura, passando por grandes cenas, crises, e chegando a um clímax e desfecho surpreendentes.

Livros Relacionados